Get Adobe Flash player
 

O que vai acontecer com Temer?

Fica até 2018
Sai antes
Ele e Dilma vão descobrir que se amam, lembrar os bons momentos juntos e reatar

 
 



    Etc...

    Depende
    Lucas Barroso*
    30/08/2010


    - Diálogos -


    Tenho algumas dúvidas.

    Dúvidas?

    É que estou a fim de uma menina...

    Ah, isso é bom.

    E não sei o que fazer...

    Então?

    Devo chegar e dizer pra ela que estou a fim?

    Depende.

    É que eu acho que ela já demonstrou algumas coisas, sabe?

    Sim, sei.

    Por exemplo, quando eu falo qualquer besteira, ela acha graça! Isso significa alguma coisa?

    Depende.

    Eu já a convidei pra sair a sós comigo e ela aceitou. Será que quer dizer algo?

    Hum... Daí, depende.

    Fomos ao cinema. Só que ela não me deu nenhuma abertura. Acho que isso é ruim, né?

    Não necessariamente.

    Sabe, muitas vezes, toco nela. Passo a mão nos seus braços, aliso seu cabelo, faço cócegas e ela não me reprime.

    Oh!

    Mas ela não retribuiu esses “carinhos”.

    Hum...

    E aí?

    Olha, não sei...

    Então, ela não deve estar a fim de mim. O que você acha?

    Na verdade, depende.

    De quê?

    Muitas coisas.

    Que coisas?

    Coisas que a gente não entende, meu filho.

    * * *

    Estou a fim de um colega…

    Quem é ele?

    Um menino, lá do colégio.

    Hum, sei...

    Mas ele é legal. Aposto que você vai gostar dele.

    Depende. Eu o conheço, por acaso?

    Acho que conhece. Se lembra da festa de aniversário da Ju?

    Como vou lembrar? Eu só fui te buscar, às três da manhã.

    Ele tava na porta. Meio loirinho.

    Não percebi.

    Acho que ele quer ficar comigo.

    Como assim, ficar?!

    Ele ainda não disse nada, mas nós já fomos ao cinema sozinhos...

    Cinema, sozinhos?!

    Calma. Não rolou nada.

    Não mente pra mim, guria!

    Será que ele tá a fim de mim?

    Se está, não me interessa. Homens são todos iguais... E desde pequenos!

    Mas mãe...

    Não tem nada de “mas mãe”! Você está proibida de sair com esse rapaz!

    Mas você sai de vez em quando, não sai? Só você pode sair, é isso?

    Eu sou mulher e solteira. Entendeu?!

    E eu sou quase uma mulher e também sou solteira.

    Não, isso não tem cabimento. Uma menina, paquerando nessa idade!

    Por isso que me disseram pra não te falar nada...

    Pode até não falar, mas eu percebo. Já tive a sua idade.

    Mas mãe, o pai dele é solteiro e ele...

    Ei, peraí! O pai dele é solteiro? Foi isso que você falou?

    Sim.

    E quantos anos ele tem, hein?...


    * Lucas Barroso é jornalista e escritor e vive em Porto Alegre.


    Leia também
    Redator imprensado - Jeison Silva - 13/08/2010
    Twitter não-revolucionário - Leonardo Schabbach - 20/07/2010
    Trinta Minutos com o Repórter do Século - Jeison Silva - 11/06/2010
    Uma paranoia patológica - Moziel T.Monk - 26/05/2010
    Jaguar: aprecie com moderação - Michelle Horovits - 16/04/2010
    Mudanças - Carlos Rodrigo Schönardie (de Dublin) - 13/04/2010
    Ruy Castro - Moziel T.Monk - 11/12/2009
    O Manifesto Sabe-Tudo - Fabiano Schüler - 12/05/2009
    Todos os gadgets do presidente - Leandro Demori - 03/04/2009
    “O Segredo” é estelionato - Marcelo Träsel - 15/07/2008
    TODOS OS TEXTOS



    Comentários dos leitores


    E ninguém toma atitude? Deve ser porque tudo depende de depender da atitude do outro! hehehe... Adorei o texto! Beijos. Fernanda Schmitz

    Cara, muito bom, isso mostra exatamente a falta de comunicação dentro de uma família não completa, parabéns! Halei